Maria do Carmo Serén

. Densidade sócio-cultural da imagem fotográfica: o paradoxo do olhar fotográfico
. A evolução do olhar fotográfico, do discurso técnico, conceções sobre a realidade e teoria fotográfica
. Análise crítica e orientação no desenvolvimento de projecto de cada participante

Maria do Carmo Serén

Historiadora e investigadora do Centro de Investigação CITCEM, (Centro de Investigação Transdisciplinar, Cultura, Espaço e Memória) da Faculdade de Letras do Porto, tem publicado a dinamizado, nas duas últimas décadas, a partir da sua função de coordenadora de comunicação e ensino no Centro Português de Fotografia quando Direcção Geral, (1997/2007), a história e o ensaio sobre fotografia. Obras como Murmúrios do Tempo, Manual do Cidadão Aurélio da Paz dos Reis, A Porta do Meio, Metáforas do sentir fotográfico, O Porto e os seus fotógrafos, Fotografia do Douro: arqueologia e modernidade. Os seus textos são frequentemente referidos em teses de mestrado e doutoramento ou obras antológicas nacionais e internacionais.

Independentemente do CPF continua a publicar diversos comentários em obras fotográficas, produziu para a coleção de “Arte em Portugal” o volume 17, A Fotografia em Portugal,(2009), pequenos volumes para a Editora Mimesis, Fernando Lemos / A fotografia Surrealista; Manuel Valente Alves e Virgílio Ferreira, Rainbow, entre diversos textos para introdução ou contexto de obras de autores fotográficos. Além de obras de carácter histórico, (destaque para as biografias Novos Apontamentos para a B biografia do Cidadão José da Silva Passos , (2001,C.M.M.) ou Uma espada de brilhantes para o General Silveira, (2009, Gov.C.Vila Real/Citcem), também tem publicado análise sobre pintura e filosofia, É com um trabalho sobre Filosofia da Ciência/Fotografia que participa em 2014 em Da Cartografia do Poder aos Itinerários do Saber, (Univ Coimbra/Ministério da Cultura do Brasil).

Foi professora de Fotografia no IPP, no IP.de Tomar e no antigo Curso Superior de Fotografia da Árvore, Porto. Participa habitualmente em Congressos e Encontros de História e Fotografia e participou em 2014 em dois filmes para a TV internacional, (um sobre Carlos Relvas, de b’lizzard, Lisboa, e outro para Pandora Cunha Telles, sobre Aurélio da paz dos Reis para a TV Internacional.)